British days: The Dorchester Collection

Destaque-1

Arte-1

Ah, Londres! Sempre sou surpreendida pela sua atmosfera mágica e pelas tradições que permanecem intactas. Durante a fashion week, há destaques que vão além da moda. A forma de receber é um dos grandes méritos dos britânicos e, depois dos dias encantadores por lá, tive uma experiência “home away from home” muito especial.

Desta vez, escolhi o The Dorchester, da rede luxuosa Dorchester Collection, que fica em Mayfair, perto do Hyde Park. Ele foi fundado em 2007 por dois irmãos, que estavam procurando uma forma de satisfazer a sua paixão pelo luxo excepcional. E, acredite, deu certo! Nicole Pinheiro, Lala Noleto e Claudia Bartelle me acompanharam em experiências incríveis, desde o café da manhã dos sonhos à The Table Lumière, “apenas” o restaurante incrível do super chef Alain Ducasse. Sobre as suítes com décor clássico inglês residencial, há um nível altíssimo de conforto, como se estivesse em um castelo.

Arte-2 Arte-3

Agora imagine que, assim como o endereço da 45 Park Lane, a sofisticação se estende ao estilo countryside no Coworth Park. Trata-se de uma bela mansão de 1776, localizada a 45 minutos de Londres, exatamente em Berkshire,  o hotel é famoso por seu prado de flores selvagens que floresce no verão. Foi ideal para recarregar as energias no campo e começar o dia no melhor estilo inglês. Tivemos momentos incríveis – entre conhecer o restaurante com assinatura do chef Adam Smith, premiado com uma estrela Michelin em 2018, e o spa ecológico com piscina coberta e terraço.

Arte-4Para celebrar a reta final da semana de moda, tivemos um tradicional chá da rainha com cenário lindo no Drawing Room. Para o encontro, apostamos em looks florais da marca brasileira Fátima Scofield, que entraram em uma sintonia refinada com o fundo do jardim elegante.

Dias para serem lembrados com todo carinho! Já deu aquela vontade de voltar.

341 pessoas curtiram este post

The Dorchester – Londres

Destaque-1

Arte-1

Assim como falei aqui, hospedagem é sinônimo de conforto e tradição para mim. Afinal, é o lugar onde você vai chamar de casa pelos dias que vai ficar na cidade e é preciso, literalmente, “Feel like home”.

Em Londres, oficialmente uma das minhas cidades preferidas, a atmosfera já favorece para o aconchego. Chego aqui e já me sinto em casa sem muito esforço. Entretanto, para transformar a experiência ainda mais perfeita, escolhi o Dorchester, da rede Dorchester Collection, que fica em Mayfair, muito perto do Hyde Park. Ele foi fundado em 2007 por dois irmãos, que estavam procurando uma forma de satisfazer a sua paixão pelo luxo excepcional. E, acredite, deu certo!

Logo que cheguei na cidade, aproveitei as primeiras horas para visitar o incrível Carol Joy, no hotel. Como contei pra vocês no stories do Instagram do F*hits, eu já conhecia a marca e o salão há uns anos e amava o portfólio de tratamentos oferecidos por eles. Desta vez experimentei os produtos de colágeno para a pele e confesso que são simplesmente maravilhosos – tanto para brilho, quanto para anti-envelhecimento.

Arte-2

Desta vez, eu e o meu FHits team ficamos nele durante a semana de moda inglesa. Helena Lunardelli, Claudia Bartelle, Lalá Noleto e Rebeka Guerra me acompanharam em experiências incríveis, desde o café da manhã dos sonhos à The Table Lumière, “apenas” o restaurante incrível do super chef Alain Ducasse. Um momento mais especial que o outro! Para celebrar mais uma semana de moda, tivemos uma degustação dos coquetéis mais incríveis do 45 Park Lane. A super dica é o drink sem álcool com mix de água de rosas, líchia e grenadini – lindo e delicioso!

Arte-3

Daqueles lugares que não dá vontade de ir embora! É tão gostoso ter lugares para voltar sempre e para registrar momentos e experiências únicas.

3 pessoas curtiram este post

Primeiros desfiles da London Fashion Week

LFW_destaque

lfw_melhores_desfiles_01Quem me conhece sabe o caso de amor que tenho com Londres. Sou apaixonada pela irreverência britânica, toda a sua atmosfera jovem e, principalmente, pela moda 360 graus que acontece por aqui. É um boom de criatividade que rola nas ruas e nas passarelas. É uma mistura de tudo. A cidade respira a moda! Desde referências da indumentária do passado ao movimento contrário do que é fashion… tudo é motivo para inspirar as pessoas.

Falando da London Fashion Week, é outro caso de flerte! As marcas apostam no inusitado, às vezes, no excêntrico. Para um início de semana de moda, já identifiquei algumas tendências que valem a pena ficar de olho.

Para o estilista sul-coreano Eudon Choi, as modelagens maxi são o ponto chave da sua coleção composta por alfaiataria e camisaria renovada. Botões decoram as laterais de saias com plissados centralizados, cós de calça, além de camisas que parecem ter saído do guarda-roupa masculino, com alguns detalhes na gola e carcela de botões. O couro e o tricô também dão as caras em peças assimétricas.

lfw_melhores_desfiles_02Florais de tapeçaria, plissados do decote à barra da saia e brilho. Muito brilho! A Mulberry não poupou a sua feminilidade para levar vestidos de corte irregular, camadas impecáveis e tecidos ultraleves. Para contrastar com a suavidade das roupas, o styling contou com meias grossas de lã por baixo de sandálias delicadas (de tirar finas e com detalhe de correntes).

lfw_melhores_desfiles_03A sempre encantadora Temperley London transformou a passarela em uma sessão completa de desejos. Paetês iridescentes em blusas e vestidos. Alguns vinham com gola foulard e cetim nas mangas amplas, outros tinham recortes no top do vestido e na saia do longo, que criavam o efeito de pregas, em tecidos off white e rosados. De olho na midi skirt para looks Lady Like – ela continua forte!

E que venham mais shows deslumbrantes!

Beijos, Alice

fhits_lfw

205 pessoas curtiram este post