Total Black

destaque_1

1

Quem já me acompanha há bastante tempo sabe que sou suspeita até o último fio de cabelo para falar de looks total black. Afinal, é o clássico “não tem erro”. Você pode usar qualquer hora do dia, qualquer ocasião e estar chique. Claro, não é só pelo preto, mas a modelagem, textura e os tecidos das peças têm uma importância enorme na hora de produzir um visual impactante e fashionista.

Uma das grandes sacadas do all black é brincar com sobreposições. No meu look, apostei nas “layers” formadas por uma blusa de malha cropped, suéter, calça pantacourt e a bota-meia. Adoro esse jogo de modelagens de diferentes – calça e blusa em comprimento curto e cano da bota alta. Esse truque de “esconder” a pele é perfeito pra alongar a silhueta.

6

Adoro como as marcas apresentam o all black de acordo com o seu DNA. É uma cor tão versátil! E o segredo de cada uma é investir nos detalhes certos. Brilhos, transparências, rendas e couro são transformadores.

3

Vamos às passarelas! A italiana Max Mara escolheu o veludo para ser o protagonista do visual de alfaiataria. Para um contraste chique e sutil, uma blusa turtle neck feita em cashmere foi a peça certa para arrematar. Na Dolce&Gabbana, o espírito jovem dominou o look composto por um tailleur de renda guipure e tweed. Ficou tão cool com aplicação de broches de gatinhos, meia-calça com a estampa animal print clássica da label e tênis. Já o couro foi o material estrela do visual power da Diesel Black Gold. Destaque para as mangas de tricô canelado e fenda.

Outra marca que apostou no couro foi a Joseph, mas, desta vez, all black leather! Sem dúvida, o material é perfeito para transmitir a mensagem de poder e elegância. Com direito a um ar aristocrata, a sempre très chic Alberta Ferretti escolheu o veludo para contrastar com elementos modernos, como a calça oversized e a blusa com efeito de segunda pele. Na coleção da Saint Laurent, o preto apareceu em uma estética oitentista, com ombros marcantes, vestidos assimétricos com renda e botas de cano alto.

4

8 pessoas curtiram este post

Leia também:

O Resort 2018 da Valentino

capa

capa

A temporada de Resort é quase que um world tour. Cada marca, uma cidade. É incrível como as grifes conseguem mergulhar em culturas,  absorver tanta referência e criar coleções estonteantes. E, na Valentino, não seria diferente. Pierpaolo escolheu Nova York, a cidade do seu primeiro Pre-Fall como estilista solo, para apresentar a sua coleção, mas há uma modernidade no ar com pitadas esportivas.

5

O super chique da marca italiana apareceu de forma renovada e com vários hits. A coleção foi trabalhada em cima do hip hop. Pense em vestidos feitos em tecidos encorpados com capuz de hoodies e ribanas nos punhos e cintura. O toque urbano também ficou por conta das jaquetas de couro, slippers, tênis com cano e meias curtas.

1

Entre os meus preferidos estão os monocromáticos. Pretos, vermelhos e verdes ganharam a passarela em looks com misturas de materiais, texturas e efeitos, entre rendas, plissados e bordados divertidos.

2

Como é bom ver as big labels explorando novos universos e trazendo coleções nada óbvias. É assim que a moda precisa seguir! Próxima parada é… Gucci!

226 pessoas curtiram este post

Leia também:

Segredos de beauté: skincare

1

1

Volta e meia, falo sobre alguns makes que são destaque nas semana de moda, as cores e produtos do momento, mas hoje resolvi falar sobre skincare. Adoro dividir descobertas. Ainda mais porque já testei tantos produtos que, quando encontro as opções que funcionam, já se tornam meus queridinhos. Desta vez, vou falar sobre uma dupla power – o Improve C 20 e o Age Inverse. Os dois são da carioquíssima Dermage, que tem uma forte pesquisa no desenvolvimento dos seus cosméticos e é ideal para a pele da brasileira. A minha relação com a marca já é de outros Carnavais e eles sempre surpreendem. Comecei com o BB Cream Antienvelhecimento FPS 80, que está sempre na minha nécessaire. Eu acho ele perfeito, porque a sua textura é seca e ajuda a controlar a oleosidade, tem alto fator de proteção e previne o envelhecimento. Tem também o pó compacto Block Compact, que a Silvia Braz indicou. Vale testar!

Agora, voltando aos dois novos must have, o Improve C 20 é aquele “banho de vitamina C” ideal para o nosso dia a dia. É ela que previne os sinis de envelhecimento, atenua as rugas e melhora a textura da pele. Uso todas as manhãs antes do protetor solar. Estou adora do o toque seco e a rápida absorção.

2Já o Age Inverse é aquele companheiro inseparável para os olhos. Para quem não tem o hábito de passar cremes na região, comece! Ela é a pele mais fina do rosto e é o primeiro sinal de envelhecimento. Aplico duas vezes por dia, uma pela manhã e outra à noite. E os resultados valem o esforço – porque, às vezes, dá preguiça de passar qualquer creme. Ele é ultra-hidratante, estimula a produção de colágeno e reduz rugas e linhas finas.

3

4

217 pessoas curtiram este post

Leia também: