menucelular

fecharmenu

Best of MFW: Prada, Gucci, Fendi, Max Mara e Etro

best-of-MFW_01Tantas surpresas em uma semana! É impressionante como apenas um dia pode despertar uma série de desejos. Em Milão, os grandes designers não mediram esforços para criar uma revolução. E, começando pela rainha absoluta da moda italiana, Miuccia Prada, não poderia ser diferente.

Para quem conhece a história da estilista, que apoia as causas feministas e desenvolve um trabalho para criar um luxo fora do comum, entende que, desta vez, seu desfile foi um arranjo de mensagens importantes para todos. O cenário criado pelo artista Oma Amo remete à uma casa, com vários quartos, mas não é apenas um ambiente aconchegante por acaso. A ideia de Miuccia foi mostrar que as grandes ideias das pessoas parte de dentro delas e, muitas vezes, são expressadas no seu espaço mais íntimo: o quarto. Por isso, ao lado das camas, haviam fotos coladas nas paredes, abajures e pôsteres. Na coleção, peças pesadas representavam a resistência e a força feminina. Os casacos eram estruturados e ganhavam aplicação de pelo nas barras. Por baixo, as roupas eram delicadas, superfemininas e, entre vestidos inspirados nas modelagens dos anos 20 (quanto finalmente os espartilhos deixaram o guarda-roupa feminino) e saias com fendas + botas cuissarde.

best-of-MFW_02Na Gucci, Alessandro Michele criou um jardim alquimista, com direito a excentricidade pura! Com um toque oriental e cool, o estilista misturou silhuetas femininas e masculinas, símbolos do Egito Antigo em 120 (!) looks. Entre as estampas, que tinham desde insetos às plantas, amei os florais! Incrível como ele consegue desenvolver opções tão modernas em várias combinações de formatos e cores.

best-of-MFW_03Diferente do rococó com um exagero de flores e decorativismo, Karl Lagerfeld apresentou uma coleção mais clean para a Fendi. Com cores inspiradas nas ruas de Roma durante o outono, uma cartela fortíssima de terrosos, cinza, azul escuro, vermelho e bordô. Os shapes dos maxicasacos são chiques e remetem à uma estética descomplicada e superfeminina.

best-of-MFW_04Na Etro, muitas estampas, tecidos esvoaçantes contrastando com peças pesadas. A marca sempre traz o seu DNA, o étnico, de uma forma renovada. Com referência forte no Tibet, os vestidos têm modelagens acinturadas, estampa de fitas coloridas e vêm com transparências, plissados e babados. Os mil e um detalhes também aparecem nos modelos curtos, com direito à aplicação de viés metalizado nas barras e pregas monocromáticas que contrastam com os florais miúdos. A jaqueta bomber é uma das estrelas do desfile, com sua modelagem ampla, feita em jacquard que lembra os tapetes clássicos tibetanos. Mistura inesperada e chique!

best-of-MFW_05Se eu tivesse que ser uma mulher nesta temporada, com certeza, seria da Max Mara. Os shapes elegantérrimos dos maxicasacos, que são a assinatura da marca, vieram com força total nas tonalidades camelo, laranja e vermelha, as minhas preferidas. Mas não basta esta ser a peça-chave. Os looks apareceram extremamente sofisticados, em uma mistura de veludo e tricô em suas diversas nuances.

Beijos, Alice

201 pessoas curtiram este post

Leia também:

Siga o F*hits nas Redes Sociais

    Blog da Alice Ferraz 2013®. Todos os direitos reservados.