My View: Alberta Ferretti

Milão é casa das grifes mais tradicionais das semanas de moda internacionais e suas temporadas sempre trazem referências clássicas nas passarelas.

A estilista italiana Alberta Ferretti, por exemplo, apresentou um sofisticado desfile para o Verão 2017 de sua marca homônima e merece destaque aqui no blog. Vamos à coleção:

alberta_ferretti_01

Um dos grandes destaques foi a cartela de tons escolhida para dar vida às peças. Buscando referências no universo gypsy e no mood setentista – que aparecem em babados, transparências e leves sobreposições -, o duo color azul e roxo estampou a maioria das peças da grife.

São tons azulados vibrantes – que vão do royal ao azul-ciano – dividindo a cena com o roxo e o lilás. A intensidade das cores não abafa o romantismo das modelagens, que vieram com muito volume e fluidez!

alberta_ferretti_02

Além dos plissados metalizados, a super tendência da cintura marcada (que protagonizou quase todos os desfiles dessa temporada) também ganhou destaque, mas de uma forma inovadora: sobreposição de cintos!

Os acessórios – em tons preto e marrom – aparecem em versão slim e em várias camadas, substituindo os cintos de modelagem larga e garantindo nova proposta ao styling. Bravo!

Beijos, Alice

218 pessoas curtiram este post

Leia também:

LFW: Highlights – Parte 02

// Melhor do LFW – parte 02 //

post_lfw_22_09_destaque

A semana de moda londrina, como sempre, deu ênfase ao lado mais conceitual da moda mundial. Com muita criatividade e apostas inovadoras, destaco quais foram os melhores desfiles vistos na capital britânica :)

– Antonio Berardi –

desfiles_lfw_parte02_berardi

Com inspiração no estilo do ícone do pop Prince, o estilista Antonio Berardi apresentou uma coleção em tons de azul para a sua marca homônima inglesa. Com uma alfaiataria perfeita e com detalhes, também, no roxo (cor-chave das roupas usadas pelo cantor norte-americano), o verão da grife apresentou um equilíbrio coeso entre peças fluídas e estruturadas, definidas por camisas com mangas frisadas, corpetes, seda delicada, cintura alta super marcada, recortes assimétricos e sobreposições.

Camadas e mais camadas para trazer uma mulher autêntica, segura e criativa :)

– Christopher Kane –

desfiles_lfw_parte02_kane

E se a tendência dos Crocs voltasse? Essa foi a proposta de Christopher Kane, estilista escocês por trás de sua marca homônima. Em comemoração aos seus 10 anos de história, a grife apostou no revival dos it shoes dos anos 2000, além de apresentar peças com muitos brilhos, rendas, transparências, referências religiosas e pedrarias.

Um trabalho super cool, jovem e fashionista!

– Temperley London –

desfiles_lfw_parte02_temperley

Uma coleção com cartela vibrante, em vestidos longos estampados, arrematados por coletes e skinny scarves. Esse foi o trabalho da estilista inglesa Alice Temperley para trazer uma essência boho/tribal para o verão de sua Temperley London.

Com modelagens fluídas, os vestidos foram combinados com coletes e skinny scarves, evidenciando a essência folk dos anos 70. A estampa geométrica também ganhou vez, tanto em peças, quanto nas flatforms. Uma linha super feminina que causou desejo imediato!

– Marques Almeida –

desfiles_lfw_parte02_marques

 

Um verão jovem, eclético e original! Esse foi o tema inspiracional dos estilistas Paulo Almeida e Marta Marques para a sua grife Marques Almeida. A coleção foi criativa e ousada! Da modelagem oversized e mangas bufantes e ultra volumosas (um dos principais destaques da coleção) às inusitadas combinações de estampadas (como o floral com o listrado), a dupla portuguesa apostou em um verão ultra cool e alegre!

– Burberry –

burberry

No modelo “see now, buy now”, a tradicional Burberry trouxe a nobreza britânica em sua apresentação unificada. Celebrando técnicas artesanais, a coleção apresentou luxuosos conjuntos de seda estampados, acabamentos vitorianos, tons militares e um riquíssimo mix de texturas. Vale lembrar que a marca foi uma das primeiras a apostar, também, no rompimento de esteriótipos entre gêneros feminino e masculino. Camisas de laço ou tricôs com mangas bufantes para homens e mulheres exemplificaram o espírito genderless, exibido durante o desfile da grife.

Justamente por acompanhar as mudanças do mercado e se adaptar ao gosto do consumidor, eu me tornei fã do estilista Christopher Bailey! Admiro muito sua posição avant garde no mercado de moda! Ver as peças de perto no dia seguinte ao show e poder experimentá-las foi uma oportunidade indescritível. O universo fashion se transformando e acompanhando o ritmo acelerado em que vivemos :)

– Rocksanda –

roksanda

Com o tema “uma canção para o verão”, a nova coleção de Roksanda me chamou novamente a atenção! Ela foi dividida em dois grandes momentos: a cartela de cores em vermelho, rosé e camel e outra com preto, branco e amarelo. Em peças volumosas e alongadas que flutuavam, o cetim trouxe fôlego sofisticado e ultra feminino à estação. Para quem estiver ou passar por Londres, sua loja na Mount Street em Mayfair é destino certo para as fashionistas!

Vale muito a pena conferir :)

Beijos, Alice

211 pessoas curtiram este post

Leia também:

My Experience: Hueb

hueb_00

Joias são uma paixão na minha vida!

Talvez seja uma tradição de família. Minha mãe sempre amou e, desde sempre, adoro olhar vitrines e descobrir peças únicas em joalherias pelo mundo.

Foi nessa semana de moda em Nova York que descobri a joalheria Hueb, especializada em joias em ouro 18k, diamantes e pedras brasileiras.

hueb_04

A unidade americana, localizada na Madson Avenue, abrigou em seu mezanino, durante a semana de moda, a pop up store da Carol Bassi. E foi visitando o espaço e conhecendo a nova coleção da estilista que eu e meu Fhits Team conhecemos o trabalho da família por trás do negócio.hueb_01

hueb_03Aliás, vale a pena compartilhar um pouco da sua história!

A joalheria fez o caminho inverso da maioria das marcas: conquistou o mercado internacional para depois ganhar vez em solo nacional.

Fundada pela matriarca Fádua Hueb nos anos 70, a grife abriu suas portas primeiro em Dubai, ganhando destaque na Ásia e depois seguiu para os Estados Unidos. A vez do Brasil aconteceu ano passado, com sua flagship montada no Shopping Cidade Jardim, em São Paulo.

Vale conhecer a loja do Cidade Jardim, em São Paulo, em Nova York, na Madison, ou também entrar no site da marca e conferir suas preciosidades.

Uma delas é o anel Luminous Ring que usei especialmente para o Brazil Foundation

alice

A direção criativa sob o comando da Cristina Hueb é o ponto alto da marca, com peças desejo de alto luxo, capazes de dar ainda mais impacto a uma produção!

Um delicado trabalho que traduz muito bem a essência de uma joia: a de trazer uma assinatura de estilo e personalidade.

Beijos, Alice

230 pessoas curtiram este post

Leia também: